“QUANDO EU MORRER” E MUITO MAIS DO MÁRIO DE ANDRADE NA FLIP 2015

DE TUDO UM POUCO

Pouco antes de falecer Oswald de Andrade chamou o professor Antonio Candido e disse: “Antonio, a obra mais importante do Modernismo é “Macunaíma” de Mário de Andrade.

E eu gostaria muito de ter escrito.

” A Flip desse ano vai homenagear Mário de Andrade nos 70 anos da morte dele.

Entre seus escritos tem um que eu gosto muito, é “Quando eu Morrer” declamado pelo meu querido amigo João Signorelli

 

Flip 2015, de 1 a 6 de julho. Na cidade de Paraty.

Clique para saber mais

http://www.flip.org.br/flip2015.php

mario_de_andrande_por_lasar_segall Flip_logo

florestan11-300x106